Blog

Por LFTM Marketing | 23 de maio de 2024

FOMC reforça mensagem de cautela sem dar indícios sobre o início do ciclo de cortes dos juros

Por Marcela Kawauti, economista-chefe da Lifetime Asset A ata da reunião do Federal Open Market Committee (FOMC) de maio de 2024 reforçou a mensagem de cautela já trazida na reunião de abril. A inflação segue como a principal preocupação do colegiado e foi citada 72 vezes no documento (ante 68 vezes na Ata da reunião […]

Por LFTM Marketing | 22 de maio de 2024

Vinhos laranjas: conheça mais sobre esse antigo produto popularizado por Josko Gravner

Se você gosta de vinhos, muito provavelmente já ouviu falar em vinhos laranjas. Incomuns nas prateleiras da maioria das adegas e lojas especializadas, esses vinhos de coloração âmbar nada mais são do que os antepassados dos vinhos brancos, e sua cor não deriva de nenhum ingrediente pouco conhecido. Como são feitos os vinhos laranjas? Basicamente, […]

Por LFTM Marketing | 20 de maio de 2024

Lifetime é destaque em matéria da revista Exame

Em matéria publicada no dia 13 de maio, a revista Exame destacou a conquista do prêmio de Melhor Assessoria de Investimentos do Brasil pelo terceiro ano consecutivo (2022, 2023 e 2024). Além de dar detalhes sobre a premiação, a matéria trouxe uma entrevista com nosso CEO Fernando Katsonis, durante a qual ele falou sobre nossa […]

Por LFTM Marketing | 15 de maio de 2024

Inflação dentro das expectativas nos EUA traz alívio, mas ainda não dá espaço para cortes de juros

Por Marcela Kawauti, Economista-chefe da Lifetime Asset Após a reaceleração dos preços ao consumidor em março, o CPI recuou levemente em abril em linha com as expectativas dos analistas: o índice cheio passou de 3,5% para 3,4% no acumulado em 12 meses. A desaceleração também foi verificada nos núcleos. Os preços de serviços passaram de […]

Por LFTM Marketing | 14 de maio de 2024

Sem unanimidade nos votos, membros do Copom convergem na preocupação com a inflação

Por Marcela Kawauti, economista-chefe da Lifetime Asset Na reunião de 8 de maio, o Banco Central decidiu pela queda de juros de 10,75% para 10,50%, diminuindo o passo em relação aos cortes de 50 pontos base que vigoravam desde agosto do ano passado. A ata da reunião intensificou o tom duro já apresentado no comunicado […]